Zita Seabra

Pilatos e a co-adopção

Desde que a Assembleia da República aprovou, na generalidade, o projecto de lei do Partido Socialista sobre a co-adopção de crianças por um casal de homossexuais que se ouvem ou se lêem alguns argumentos que merecem ponderação e, em meu entender, resposta. Salientarei três, por serem talvez os mais habituais e contundentes.

Dorminhoco

No início do Advento, manda a tradição que nas casas portuguesas se faça o presépio. Vem de longe essa tradição, com características diversas mais ou menos populares. Na arte barroca, (século XVIII), os presépios foram do melhor que se criou em Portugal, particularmente na escultura que atingiu o auge com Machado de Castro.