Era uma vez um telefone

O novo posto de telefone público da Avenida Sá Carneiro é tão moderno, mas tão moderno que nem sequer tem telefone. O Zé não encontrou por lá forma de fazer uma ligação e concluiu que, afinal, o posto não é o top da modernidade, o telefone é que deve ter sido destruído ou furtado. Ele há mãozinhas para tudo...