// Última Hora

Chinês que baleou a mulher fica preso preventivamente

Publicado por Glória Lopes em Qui, 2019-04-11 15:35

Vai ficar a aguardar julgamento em prisão preventiva, o homem de nacionalidade chinesa que baleou a mulher na noite da passada terça-feira, em Bragança, acusado de um crime de homicídio na forma tentada e de um crime de posse de arma proibida. O suspeito, com 59 anos, foi sujeito a primeiro interrogatório judicia esta quinta-feira, no Tribunal de Bragança, tendo o juiz decidido aplicar-lhe a medida de coação mais gravosa.
A vítima, uma mulher também de nacionalidade chinesa, que sofreu ferimentos por ter sido baleada na nuca, teve alta hospitalar ontem, depois de ter passado a noite em observações.