Ricardo Mota

Lugar de Excelência…

Existem vários sítios de contemplação, de êxtase, onde a natureza esmaga os sentidos, tal a força da largura de vistas, do mistério do cosmos que nos domina. São Leonardo da Galafura em Peso da Régua, Nossa Senhora da Assunção em Vila Flor, Nossa Senhora das Neves no pináculo de Bornes em Alfândega da Fé, Castelo Rodrigo em Figueira de Castelo Rodrigo, Penedo Durão em Freixo de Espada à Cinta são lugares do outro mundo, que busco amiúde quando erro pelo triângulo que me rejuvenesce: Trás-os-Montes, Alto Douro e Beira Alta.


O Predilecto….

Vindo de Alfândega da Fé, descendo a caminho dos Cerejais, chega-se a ela facilmente, sempre em frente. A aldeia é arejada, enxerga-se bem quando no topo do Sardão ali bem perto da Parada. Para trás ficou a nova ponte da Ribeira de Zacarias, em serena curva sobre um fenomenal espelho de água, reflector dos verdes multicores que por aqui habitam. Encravada num morro a que os antigos designaram como Rebentão, vislumbra-se construção de xisto, castanho doirado, o xisto que a natureza espalhou por estas bandas.


O palanque…

Sóbrio, rígido, talhado a cinzel e escopro, sisudo, solitário, anti-social, convencido, inflexível, partidário, eis Cavaco o nosso ex-Presidente da Republica. Segundo os livros de Psicologia/Filosofia dos antigos 6.º e 7.º anos dos Liceus o temperamento de Cavaco oscilaria entre leptosomo e nervoso, mais que discutível pois não sou, com toda a certeza, especialista na matéria. Diziam-nos, naqueles tempos, que não havia como fugir, o destino ou fado tomaria conta de nós, seríamos o que nosso corpo transparecia.


Tristeza minha…

A mudança andava no ar, os ventos anunciavam-na, as conversas iam por aí e, a esperança, envergonhada, espreitava nas esquinas, nos becos, vielas e nos conversares entre amigos. Os humores dos que até aqui nos trouxeram, traíram-nos. Cientes do que nos tinham feito, a todos, velhos e novos e que, por isso mesmo, travaram o advir de netos e filhos, futuro de Portugal, tentaram a mudança de agulha.