Crianças à chuva

Há várias semanas que um dos painéis do teto da paragem de autocarro em frente à escola Augusto Moreno, em Bragança, voou, provavelmente com a ação do vento. Estranho é que, passadas várias semanas, ainda ninguém tenha dado por isso e o tenha substituído. Resultado, os alunos que ali esperam têm de se apertar bem apertadinhos para não apanharem chuva ou sol, consoante o dia.

Edição
3769