Pe. Manuel Ribeiro

Perda de sentido na cultura dominante: um apelo à vida

Enquadrada na Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, a paróquia de Alfândega da Fé propõe à comunidade em geral um debate (em perfil de conferência) sério, livre e coerente sob o tema “Perda de sentido na cultura dominante: um apelo à vida”. Esta Conferência quer contribuir para uma reflexão séria sobre o dom da vida e ajudar a solidificar um caminho conjunto de defesa, de protecção e de promoção da vida humana. A verdade é que vivemos um tempo de incertezas e de ataques constantes à vida e à sua inalienável dignidade.


«Quando a fé diminui, aumenta a superstição» (Papa Bento XVI)

O Halloween (termo inglês que significa ‘dia das bruxas’) é uma celebração pagã celebrada na véspera da celebração católica de ‘Todos os Santos’. Nascida no mundo anglófono, o Halloween não é nada mais do que a substituição do sagrado pelo profano com contornos e meios subtis. Sabemo-lo bem que as mudanças dos arquétipos e dos paradigmas sociais, políticos e culturais começam (sempre) pela imposição destes novos ideais nos mais jovens da sociedade. Gerar hábitos e necessidades novas é eliminar, paulatinamente, solenidades longamente instituídas e profundamente vividas.