Mirandela

Estudo revela baixa participação cívica dos cidadãos na vida do poder loca

Publicado por Fernando Pires em Qui, 2019-05-30 09:25

Nos municípios do interior ainda existem índices muito baixos de participação cívica dos cidadãos na vida do poder local, com destaque para a escassa participação dos munícipes nas assembleias municipais.
É o que revela um estudo coordenado por António Tavares sobre a qualidade da governação local em Portugal. “Há muitas vezes um défice de pluralismo, no sentido em que, normalmente, ou há um partido que domina sistematicamente ao longo dos anos, mesmo com diferentes presidentes, ou há situações em que dois partidos dominam a vida política local. Não é necessariamente um aspeto negativo, mas é muitas vezes uma limitação à discussão de novas ideias e esse aspeto é visível sobretudo em Municípios em que há um envelhecimento acelerado da população. Outro fator negativo tem a ver com os valores relativamente baixos atribuídos aos orçamentos participativos”.