Educação

Cartas EKUI já chegam a mais de 81 mil crianças de todo o país

Publicado por Glória Lopes em Qui, 2020-10-15 09:34

O projeto EKUI - metodologia de Desenho Universal para a Aprendizagem do Alfabeto alcançou um impacto altamente positivo em mais de 81 mil crianças, jovens e adultos, revelou a sua mentora Celmira Macedo.
Um estudo realizado pelo Instituto Politécnico de Leiria revela que em 99% dos casos em que a EKUI foi utilizada “mudou a forma de ver a aprendizagem e a reabilitação”, deu conta a mesma fonte.
A primeira versão, ainda que não científica, foi aplicada em 2003, em Vinhais e só
em 2005 o projeto foi lançado já com bases científicas, igualmente a partir de Trás-os-Montes, e “atualmente é uma referência nas metodologias de ensino que quebram barreiras na comunicação a centenas de crianças, jovens e adultos com dificuldades no processo de aprendizagem ou outro tipo de incapacidades na compreensão e na comunicação com o mundo”.
Celmira Macedo começou os primeiros “ensaios” em Vinhais, com práticas que a levariam mais tarde a pensar no desenvolvimento de uma ferramenta científica para ajudar crianças, jovens e adultos, a aprender o alfabeto, a compreender o mundo e conseguir comunicar sem barreiras. Usava cartas desenhadas, associando imagens a gestos, a sons a letras e, assim, passo a passo, ia trabalhando novas competências em crianças com maiores dificuldades de aprendizagem.