A opinião de ...

Epístola do Interior (II)

Ao Dr. Luís (Montenegro)
E ao Dr. Luís (Montenegro) Esteves

Quanto à Dr.ª Paula Teixeira da Cruz essa reacção é digna de ser bem analisada. Essa senhora foi ministra e a sua reacção merece ser bem analisada. A sua actuação política, enquanto ministra da justiça, foi de tal forma desastrosa que merece ser recordada. Esta srª ministra só foi valente e corajosa para fechar tribunais em concelhos do interior. Nestes concelhos não há lóbis nem grandes sociedades de advogados e , por isso, fechem-se tribunais. E nos concelhos do litoral quantos tribunais fechou?
Quantos autarcas do PSD criticaram a srª ministra (da Cruz) por causa dessa decisão? Todos! Em todos os concelhos abrangidos pela (Cruz) de Paula Teixeira as populações manifestaram-se contra esta política. Tiveram resposta? Não tiveram porque PT (da Cruz) esteve-se borrifando para essas populações e para esses autarcas. E o dr. (Montenegro) ( Esteves) Luís solidarizou-se com esses autarcas ou com essas populações? E o dr. Amorim? E o sr. Pinto? E o sr. P Duarte? E o sr. Dr. A Henriques? E a srª drª ML Albuquerque, enquanto ministra das Finanças, alguma vez se manifestou contra esta opção política da sua colega ministra? Alguma vez estes (6) magníficos alertaram esta senhora para as consequências eleitorais da sua estupidez política? NUNCA!
Eu penso – e por isso o escrevo- que estes 6 cavaleiros da desgraça foram os rostos (entre outros comentadores encartados e bem falantes) dos (i) responsáveis políticos responsáveis pela maior derrota autárquica que o PSD sofreu desde as primeiras autárquicas em 12-12-1976. Dizia a minha avó (Maria Antónia) que «quem perdeu a vergonha já não tem mais nada para perder». Pois é isso que está a acontecer com estes 6 magníficos. É preciso ter lata para atacar Rui Rio de forma tão covarde, cínica, oportunista e tão execrável.
Na política, como no resto, não pode valer tudo.
Era mais sério e mais ético se estes 6 magníficos criticassem Rui Rio por não os querer nas listas de deputados para as próximas europeias e legislativas. Porque, de facto, o que está em causa é «apenas e tão só» isso mesmo. Porque se Rui Rio acenasse com «um lugarzito» ao dr. Luís não tinha havido esta «peixeirada» nem o dr. Luís precisava destes 5 para o ajudar a levar o cesto depois da faina.
Mal irá o PSD se , um dia, tiver de ser liderado por gente deste calibre.
O País, os portugueses e a democracia precisam que haja mais Rui (s) Rio (s).

Edição
3718