Bragança

Escuteiros lançam jogo do Ano Litúrgico

Publicado por António G. Rodrigues em Qui, 2020-12-03 10:40

O Agrupamento 18 de Bragança dos escuteiros apresentou, no passado domingo, um jogo do Ano Litúrgico para “estimular a participação dos jovens na eucaristia.

De acordo com o Chefe do Agrupamento 18, Miguel Salgado, este jogo surgiu, também, para homenagear o beato Carlo Acutis.

“É um jogo do Ano Litúrgico. Este foi um modelo que adaptámos dado que a nossa figura do ano é Carlo Acutis, beatificado em outubro. Já tínhamos decidido assinalar este jovem e como um dos carismas dele tem a ver com a eucaristia (o outro tem a ver com a informática), achámos que era uma oportunidade”, frisou Miguel Salgado.

“Foi inspirada nele e o concretizar de um desejo. Todos os anos temos uma figura anual. Tentamos colocar no nosso plano algumas ações que vão de encontro à figura que é vivida. Era a oportunidade de aprofundar essa ideia”, destacou ainda.

Assim, este jogo de tabuleiro surge como um desafio aos jovens.

“Resolvemos fazer o desafio de lembrar aos escuteiros que, como cristãos, devem ir à missa todos os dias. Para que a frequência dominical seja um pouco maior, apesar das diversas contingências no acesso às missas”, explicou o mesmo responsável.

Para já foram feitas 80 unidades, das quais já foram distribuídas cerca de 50 entre os escuteiros do agrupamento.

“Como o jogo tem alguma qualidade em termos de materiais, custou-nos algum dinheiro. Este ano temos poucas fontes de receitas, como a campanha de embrulhos do continente, a Norcaça, entendemos pedir o contributo dos escuteiros. Cada um pagou cinco euros, que não paga o jogo mas ajuda.

Num ano normal se calhar não iríamos pedir nada. Mas assim acaba por ser também um incentivo à responsabilização”, disse ainda Miguel Salgado.

O jogo consiste num disco com os 54 domingos do ano litúrgico. “Haverá autocolantes que irão receber do pároco à medida que vão participando nas eucaristias”, sublinhou.

A ideia era que o jogo fosse utilizado no Agrupamento 18, de Bragança. “Mas está aberto às pessoas da comunidade a quem o queira jogar”, frisou Miguel Salgado, considerando que “é um instrumento de evangelização e captação de membros para o Agrupamento”.

Este jogo surge no fim de semana em que se realizou o ato eleitoral do agrupamento, que reconduziu Miguel Salgado para um segundo mandato de três anos.

“Fizemos alterações pontuais na direção. Estamos com 19 adultos dirigentes, com diferentes graus de compromisso”, concluiu.

O Agrupamento tem 115 elementos.